Choque de cultura: livro, história, cinema e humor

Duda Oliveira 11/16/2018

A diferenciada critica de cinema que fez sucesso, foi para a TV e virou livro

 

Capa do livro 79 filmes para assistir enquanto dirige

Capa do livro 79 filmes para assistir enquanto dirige

 

No último dia 8 de novembro (quinta-feira), O programa de humor choque de cultura lançou seu livro 79 filmes para assistir enquanto dirige na livraria Leitura do Shopping Tacaruna. O lançamento foi uma sessão de autógrafos em que os quase 200 fãs tiveram a oportunidade de conhecer seus os quatro atores do programa. Recife foi uma das cidades por onde a sessão passou, ontem a sessão está acontecendo em Curitiba e no dia 22 em Vitória- ES.

 

Sinopse: o livro do Choque de Cultura, sucesso do Youtube. Viralizado na internet, e repleto de memes e frases de efeito, Choque de Cultura se encaminha para sua terceira temporada, e agora chega às livrarias. Este livro é um compilado de resenhas sobre 79 filmes (seriam 80, mas o Julinho não entregou a crítica de “Se eu fosse você 2”), e por aqui o que não falta é humor, talento, profissionalismo, cultura… resumindo: aqui tem informação!!! Escrito pelos maiores nomes do transporte alternativo, esse livro é só magia top, uma verdadeira relíquia para os amantes da sétima arte!”

 

História do Choque de Cultura

Choque de cultura foi criado em 2016 pelo site de entretenimento Omelete TV. Daniel Furlan e Caito Mainier que já faziam o programa Falha de cobertura no youtube do omelete sobre futebol, a nova proposta era fazer um falha de cobertura sobre cinema. Mas na época, Caito tinha um roteiro antigo chamado Julinho da van Talk show que falava do dia-a-dia da van, feito juntamente com o ator e diretor Leandro Ramos. Depois de uma adaptação, o choque de cultura foi idealizado. O programa é uma mesa redonda com os “maiores nomes do transporte alternativo”, 4 motoristas de Kombi que comentam sobre cinema. O primeiro episódio foi lançado no dia 21 de novembro de 2016, onde comentam sobre o filme Animais fantásticos, tendo quase dois milhões de visualizações.

 

 

Daniel Furlan é Renan Furlan, motorista da Towner Azul Bebe, tem a língua presa e fala muito do filho renanzinho. Raul Chequer é Maurilio dos Anjos, dirije uma Kombi branca ano 84, o único que trabalho com transporte de cinema e fala de cinema com mais prioridade e com sentido, por isso sofre bullying dos outros personagens. Leandro Ramos é Julinho da Van e tem uma sprinter branca, só usa camisa regata e é o malhado da turma. Caito Mainier vive Rogerinho do ingá, tem uma sprinter azul e vermelha, é o líder da mesa redonda.

 

Com um tipo diferente de humor, eles ganharam os fãs pois os personagens são pessoas comuns, meros motorista que falam de cinema e por não entenderem criticam os filmes do jeito que sabem, sendo um dos motivos para que façam as pessoas rirem. A jornalista e fã do choque de cultura, Amanda Arruda, 26 anos, que conhece o programa desde o começo, vê que esse tipo de humor é influenciado pelo livre acesso que todo mundo tem na internet, “hoje em dia todo mundo quer ser crítico de cinema, a pessoa assiste qualquer filme e já quer da opinião, mas apesar de as pessoas terem esse acesso fácil a informação faz com que isso aconteça principalmente agora como eles fazem com os motoristas”, diz ela.

 

Para o estudante Nelson Melo, 24 anos, o programa tem o objetivo de fazer rir, “é um humor que eu não vejo intensão de agredir ninguém que é para provocar riso sem agressão, com piadas e brincadeiras”, diz ele.

 

Com todo o sucesso, esse ano o choque de cultura comentou o Oscar, garantindo muitas risadas com comentários hilários. Confira o vídeo dos melhores momentos:

 

 

O brasileiro tem uma criatividade enorme para fazer memes e também adora ver memes e o choque de cultura também tem muitos memes que ficam na cabeça o mais conhecido quem fala é Rogerinho: “Achou que não ia ter choque de cultura hoje? Achou errado, otário!”. Cada personagem tem pelo menos uma frase de efeito, confira algumas:

 

tenor

Rogerinho: Achou errado, otário! /Tem que acabar a justiça! / Aqui tem informação! /Tá certa a indignação!

Maurilio: Boa noite amantes da sétima arte! / Harry Potter sem Harry Potter é golpe.

Julinho: Falo com tranquilidade/ É tudo computador, essa porra.

Renan: Show! / Só magia top! / Stranger “Fings”!

 

Segundo eles, todas as frases de efeito são feitas por eles mesmo e a equipe que conta com Juliano Enrico, Davi Benincá, Pedro Leite e diretor Fernando Fraiha e as vezes acontece de um criar as frases do outro.

 

Segundo eles, todas as frases de efeito são feitas por eles mesmo e a equipe que conta com Juliano Enrico, Davi Benincá, Pedro Leite e diretor Fernando Fraiha e as vezes acontece de um criar as frases do outro.

 

A primeira temporada terminou no dia 22 de maio de 2017 e teve 8 episódios, já a segunda teve 12 episódios, começou em dezembro de 2017 e terminou em março de 2018. Assim que a segunda temporada terminou foi anunciado que a terceira só seria lançada em dezembro. Mas ninguém sabia que em setembro o programa passaria a ser veiculado na TV, pelo canal globo, foi uma surpresa para os fãs que ficaram com medo de como o programa passaria a ser. A jornalista Amanda Arruda, sentiu isso mas ao assistir ficou tranquila ao ver que pouquíssimas coisas tinham mudado, “quando eu comecei a assistir eu fiquei meio receosa, porque eu fiquei pensando que algumas coisas iriam ser censuradas, mas eu achei legal”, diz ela.

 

Ao contrário, a estudante de jornalismo, Esther Barros, 19 anos, gosta do estilo do programa na globo mas vê alguns problemas em o choque de cultura ir para a globo, “lá eles não podem falar palavrão, eles continuam muito bom, mas eles tem que regular o que eles falam”, diz ela. Apesar disso não vê problema em eles terem que fazer isso pois prefere continuar assistindo eles lá do que não assisti. Mas, segundo Raul Chequer (Maurilio) eles tiveram liberdade total, “a gente não iria para um lugar que a gente não pudesse fazer o que quiséssemos, o que a gente acredita”.

 

O primeiro episódio foi ao ar no dia 30 de setembro e já tem oito episódios. O programa sempre começa depois do filme da Temperatura Máxima, dia de domingo e comentam sobre o filme que passou no dia.

 

Tweet about this on TwitterShare on Google+Share on Facebook
Veja mais!

Comente

Comente pelo site ou Facebook

  1. *